Novo Sistema Trappist-1

Novo Sistema Trappist-1
+ 7 Planetas

domingo, 6 de outubro de 2013

Qual é o dia para parar?

Há uma discussão infindável entre os partidários de guardar o sábado - os extremistas mais antigos do planeta- e os partidários da guarda do domingo - as religiões mais modernas-, e claro que também os há, que não guardem nada ne lhes interessa guardar. Atualmente se conserva esta dicotomia, esta polarização do eleitorado astral, sobre qual seria o primeiro dia, que responderia automaticamente as questões anteriores, já que se soubermos qual o primeiro saberemos qual é o último. Mas como sabe-lo? Perante uma esfera que gira constantemente e nunca se detém, e mantém alguns signos constantes, o sol, a lua, a via láctea e o sistema solar para nos orientarmos no sistema,
 qual seria o dia que começou?
Começou por dentro ou por fora?
Começar pelo final seria começar pelo violeta, que seria o dia de concluir; e seja lá talvez o concluir o recomeço e por isso faz algum sentido.

A que vos fala...

A que vos fala...
Sou uma mensageira do meu tempo, estudei música teatro medicina jornalismo e história; conheci o mestre Juan -em Teatro Buenos Aires- aprendi a desaprender tudo isso e a me reconectar com a fonte; com a #linguagemdascores, a lógica do Cosmos e a Cosmologia xamánica, vem para condensar toda essa experiencia; hoje calculo mapas cosmológicos, guio reprogramações e analiso jogos de pedras como terapia. Aplico todos estes conhecimentos no Planetas Studio, virtual e presencialmente; vivencio a transformação!

Postagens populares

Planeta Homem

Planeta Homem

Translate

Google+ Followers